Siga nossas redes sociais:

Curso ao vivo

Fundamentos
Básicos da
Tradução

Um mapa rápido e prático
para conhecer o mercado

Um mapa rápido e prático para conhecer o mercado

O Curso Fundamentos Básicos da Tradução é voltado para todos que se interessam pelo mercado de tradução.

Serão 3 aulas com conceitos básicos e exercícios práticos para quem quer se atualizar ou fazer uma imersão rápida no mundo da tradução. Tudo isso utilizando o nosso método exclusivo TraduAção.

O curso na prática

3 módulos

O curso apresenta 3 módulos que dão um panorama sobre o mercado de tradução, as possibilidades de atuação, ferramentas e, também, sobre os desafios desta profissão.

Aula ao Vivo

Neste curso as aulas são ao vivo possibilitando muita troca entre os participantes e, também, proporcionando um acompanhamento mais próximo entre as palestrantes e os participantes.

Materais de Apoio

Durante o curso os participantes recebem materiais de apoio exclusivos para ajudar no aprimoramento profissional.

Certificado

Após realizar todos os módulos, incluindo as práticas, o participante irá receber o nosso Certificado de participação.

Suporte para Dúvidas

Os participantes recebem suporte da nossa equipe durante todo o período do curso.

Devolutivas

Após a execução dos exercícios práticos, o participante receberá os comentários da nossa equipe para saber como foi o seu desempenho.

Esta etapa é um grande diferencial dos nossos cursos.

Networking

Pelo fato de as aulas serem ao vivo, é possível fazer networking e criar uma rede de apoio e de contatos que poderá te ajudar neste início de carreira.

Trocas de Experiências

Devido à diversidade das turmas, há muita troca de experiência entre os participantes, o que enriquece o curso como um todo.

Curso ministrado pelas diretoras do Learning Center

Os participantes TAMBÉM receberão 2 materiais exclusivos

  • 1

    E-book sobre dicas gramaticais do português

  • 2

    Webinar sobre o MemoQ

O Learning Center conta com um método exclusivo de ensino.

O Método

Acreditamos que a individualidade é fundamental para o desenvolvimento profissional. Nosso método olha para cada aluno, traz práticas e acompanhamento próximo e dá ferramentas para auxiliar na inserção no mercado de tradução.

O mercado bilionário da tradução

Você sabia que a estimativa de crescimento do mercado de
tradução para os próximos anos é de 7% ao ano? Essa indústria milionária estima movimentar 84,9 bilhões de dólares até 2026!
Esses números são incríveis e mostram como o
mercado de tradução tem muito a oferecer!

Não perca tempo e venha se
preparar com a gente!

Vantagens do
mercado de tradução

Trabalhe de onde quiser

Tenha flexibilidade para escolher os seus horários e locais de trabalho! Você só irá precisar de um computador, boa conexão de internet e conhecimentos na área!

Trabalhe para clientes ao redor do mundo

A nossa profissão permitirá que você tenha diferentes clientes espalhados pelo mundo todo e, com isso, o seu faturamento poderá ser em diferentes moedas!

Mercado em expansão

O mercado de tradução está crescendo e estudos indicam que dentro dos próximos 3 anos a estimativa de crescimento é de 7%.

Quem já conhece

Para quem é o curso?

Para quem NÃO é o curso?

O que o curso pode fazer por você?

Módulos

Aqui passaremos um panorama geral sobre o mercado e as possibilidades de atuação.

Panorama geral de algumas ferramentas utilizadas no mercado de tradução, de legendagem e para controle de qualidade, como: SmartCat, MemoQ, X-Bench, Subtitle Edit.

Aqui iremos trazer dicas gerais de como iniciar a sua carreira como tradutor.

Os participantes receberão um Certificado de participação mediante a realização das atividades práticas que acontecem durante todo o Curso.

Professoras

Joanna Niero

Formada em Letras Tradução e Licenciatura pela PUC/SP e atuando no mercado de Tradução desde 2008 já passou por diversas áreas como Gerenciamento de Projetos, RH, Tradução e Revisão, Consultoria, Terminologia e Teste e Qualidade. Por estar ativa por tantos anos neste mercado, consegue acompanhar de perto a dificuldade de quem está começando.

Especialização em Ferramentas de Tradução pela PUC/SP.

Formação em Consultoria pela ABRACEM.

Fundadora da Spell Traduções e CEO por 14 anos.

Fundadora do Learning Center.

Kamila Lopes

Formada em Letras – Tradução e Interpretação pela UNIMEP, e atuando no mercado de tradução desde 2014, passou por significativas experiências na área, entre elas: Tradução, Revisão e Qualidade. Hoje atua como Head of Operations cuidando do setor de qualidade.

MBA em Gerenciamento de Projetos pela FGV.

CEO da Spell Traduções por 8 anos.

Fundadora do Learning Center.

Perguntas Frequentes

Não, as aulas são ao vivo pelo Google Meet.

As aulas têm duração de, aproximadamente, 2 horas.

Não, pois para ganhar o certificado é preciso fazer todas as práticas passadas durante a consultoria e entregar os exercícios dentro do prazo estipulado, pois só assim teremos dados para fazer a Certificação.

Infelizmente não. É necessário saber um segundo idioma para conseguir realizar as práticas de tradução e obter os feedbacks que são importantes e que irão te ajudar nessa construção de carreira.

O português é o idioma base do curso, então o participante deve escolher um outro idioma para trabalhar junto com o português, por exemplo, espanhol > português e português espanhol ou inglês > português e português > inglês.

Não, os participantes devem escolher o idioma que tem domínio, além do português. Os idiomas mais comuns que já trabalhamos foram: inglês, espanhol e francês.

Sim, todas as aulas são dadas em português.

Ao final de alguns encontros, passamos exercícios práticos para serem feitos em casa.

Não, cada prática tem uma data final para devolução e esse cronograma deve ser seguido para organização da equipe de correção e também para os participantes treinarem como acontece na prática com os seus clientes.

Tem uma equipe disponível do início ao final do Curso para resolver dúvidas ou problemas que podem acontecer durante o curso. O horário de suporte acontece de segunda a sexta-feira das 09h00 às 18h00 pelo e-mail [email protected]

Não. Os materiais foram feitos exclusivamente para uso dos participantes.

Investimento

R$ 180,00
em até 10x sem juros

Preço Original
R$ 180,00

Preço com Desconto
10x R$ 9,00

Os participantes receberão os seguintes materiais exclusivos:

** E-book sobre dicas gramaticais do português
** E-book sobre o MemoQ

Data:

  • 15/06
  • 22/06
  • 29/06

Horário: das 19h às 20h

Local: Google Meet

Novas turmas em breve

Informe seus dados no formulário ao lado e receba em primeira mão informações sobre novas tumas.

Nova turma em breve!

Sugestão do Learning Center

Aviso imediatamente ao cliente para que, juntos, seja possível pensar em soluções sem impactar na qualidade e no prazo final. É papel do tradutor controlar a sua produção para que esse tipo de problema não seja informado perto da sua devolução final, pois caso isso aconteça, o cliente pode não conseguir te ajudar.

Sugestão do Learning Center

Me certifico que estou usando bons sites e materiais para a realização das pesquisas. Peço ajuda para algum colega da área ou que está mais familiarizado com esta área e, caso não consiga, entro em contato com o cliente para trazer tais inseguranças antes da devolução final para ver se o cliente consegue me ajudar sem prejudicar o prazo e a qualidade. Importante: o papel de pesquisa é responsabilidade do tradutor/revisor. Apenas em casos muito pontuais ele deve recorrer ao cliente para que isso não afete a confiança que o cliente tem nele.

Sugestão do Learning Center

Antes de enviar o trabalho ao tradutor, questione o cliente a respeito da TM e do glossário, pois são materiais muito importantes e que devem sempre ser usados no processo. A memória e o glossário ajudam muito no fluxo de trabalho da tradução, pois além de otimizar tempo de execução, ainda ajudam a garantir uma boa qualidade final. Se o cliente realmente não tiver nenhuma TM ou glossário, sugerimos que você crie e comece a fazer esse tipo de coleta nos projetos, assim você poderá se beneficiar disso no futuro, em projetos do mesmo cliente e sendo da mesma área.

Sugestão do Learning Center

Por mais que você não tenha em sua base de recursos tradutores que trabalhem com a ferramenta solicitada, nunca feche as portas para as oportunidades. O primeiro passo é ser sincero com o cliente e dizer que você nunca trabalhou com essa ferramenta, mas que poderia assumir o trabalho e está disposto a aprender. Geralmente, as ferramentas seguem uma mesma lógica, muda apenas algumas funcionalidades e questões de layout, mas para garantir que você não vai ter problemas com isso, busque informações, procure tutoriais na internet e até mesmo questione o cliente se ele poderá te dar um suporte caso você precise.

Sugestão do Learning Center

Devemos trabalhar com a premissa de que o cliente satisfeito sempre voltará a te oferecer trabalho, porém, é preciso equilibrar as expectativas. Muitos clientes não entendem a dinâmica envolvida em um trabalho de tradução (fluxo de trabalho: tradutor/revisor/QA…), por isso, fazem solicitações que podem atrapalhar e muito o seu processo. Mudar o texto ou um pequeno trecho no início do trabalho é algo que pode ser negociado e atendido, mas se a tradução já passou da metade ou está quase no final, você deve conversar e explicar a ele que o pedido pode ser atendido, mas que será necessário pensar em um novo prazo e valor, pois o trabalho deverá começar praticamente do zero. Uma outra opção é finalizar o trabalho atual e depois implementar as mudanças solicitadas pelo cliente, negociando um novo prazo de entrega e um valor justo pelo tempo que será gasto pelo recurso para fazer os ajustes.

Sugestão do Learning Center

Retrabalhos não são bons para a organização do PM, isso porque aumentam a chance de problemas e riscos de afetar o seu cliente final. Se você realmente enviou os arquivos errados ao tradutor, você deve tomar as medidas necessárias para evitar que isso afete o prazo combinado com o cliente, ou seja, verificar se tem tempo hábil para realizar o trabalho corretamente, verificar um tradutor disponível para fazer o job e, no caso de você realmente atrasar a devolução final, comunique o cliente imediatamente e tente negociar um novo prazo.

Sugestão do Learning Center

Esse é um dos erros mais graves que um PM pode cometer, mas devemos sempre nos lembrar de que somos seres humanos e somos passíveis de errar. Diante disso, devolva o arquivo imediatamente ao cliente e peça desculpas por seu erro. Esse tipo de problema não deve se repetir, por isso, use recursos que te ajudem em sua organização, seja uma agenda on-line, agenda física, lembretes das datas de suas devoluções, pois assim as chances de você se esquecer no futuro serão mínimas.

Sugestão do Learning Center

O primeiro e mais importante passo é sempre tomar decisões e deixar o cliente a par delas, ou seja, os riscos das escolhas devem ser compartilhados com o cliente para que, caso haja problema depois, ele não te cobre por algo que você avisou que iria fazer. Caso você não tenha um tradutor especializado nessa área, você pode tentar colocar um revisor que seja especialista na área jurídica para que ele consiga corrigir as falhas terminológicas que possam existir, mas de qualquer forma, é muito importante reforçar com o tradutor a sua necessidade e pedir para ele/a uma atenção especial ao texto. Se você não conseguir nenhum recurso especialista na área, você pode tentar colocar uma etapa final com um SME. SMEs são pessoas especialistas na área, não são tradutores e revisores, mas são pessoas formadas e com ampla experiência na área desejada, por exemplo, no caso desse enunciado, seria colocar um advogado para ler o arquivo final de modo a alterar apenas o que for terminologia específica incorreta.

Sugestão do Learning Center

Para sempre evitar problemas como esse, é necessário incluir um pequeno buffer entre o seu prazo final e o prazo solicitado ao tradutor, por exemplo, se o prazo com o seu cliente é hoje às 18h, você deve pedir para o seu recurso devolver algumas horas antes para evitar que os problemas impactem na devolução final. Agora, se de fato ocorrer um atraso, entre em contato com o tradutor para verificar como está a situação, para saber se há algo que dê para ser feito para evitar que isso afete o cliente (um exemplo seria fazer a revisão em paralelo e assim dar mais tempo ao tradutor) e saber suas opções. Além disso, é necessário pensar em todo o fluxograma do projeto, como tempo do tradutor, tempo do revisor, tempo de verificação final do PM para ver se tudo está correto… Caso o atraso vá impactar na sua devolução ao cliente, avise-o imediatamente para que ele não sofra impactos piores.

Sugestão do Learning Center

Antes de sair julgando quem está errado nessa situação, você como PM deve avaliar se o que o cliente está apontando realmente são erros efetivos que impactaram na qualidade ou não. Se você tiver o suporte de Quality Assurance, peça a eles que analisem e te enviem um relatório justificando (se é erro ou não) cada alteração do cliente. No caso de não haver uma equipe de Quality Assurance, você pode pedir ao tradutor ou revisor do projeto que faça esse papel, mas cuidado, pessoas que estão envolvidas no projeto tendem a não ser imparciais/neutras e podem ficar na defensiva, então será o seu papel ter um olhar crítico para ponderar se as respostas fazem sentido ou não. Se houve um problema de qualidade, peça desculpas ao cliente e tente recompensá-lo para que ele volte a fazer negócios com você, além disso, passe o feedback aos envolvidos no projeto para evitar que isso volte a se repetir. Caso o cliente tenha feito apenas alterações estilísticas no texto, o ideal é montar um Guia de Estilo ou Glossário com essas preferências, por isso, explique isso ao cliente (nunca deixe ele achando que você errou se você não errou) e passe as ações que serão implementadas em casos futuros para atendê-lo da melhor forma possível.

Sugestão do Learning Center

A primeira ação seria entender a produção do recurso que está livre, para saber quantos dias seriam necessários para fazer tradução e revisão e, assim, verificar com o cliente a possibilidade de extensão do prazo, pois mesmo que o tradutor consiga fazer o trabalho em três dias úteis, o ideal é passar o trabalho depois pelo processo de revisão feito por outro recurso e dentro desse período não seria possível executar ambas as etapas.